terça-feira, 27 de setembro de 2011

Outono

Tarde pintada

Por não sei que pintor.
Nunca vi tanta cor
Tão colorida!
Se é de morte ou de vida,
Não é comigo.
Eu, simplesmente,digo
Que há fantasia
Neste dia,
Que o mundo me parece
Vestido por ciganas adivinhas,
E que gosto de o ver, e me apetece
Ter folhas, como as vinhas.
Miguel Torga, Diário X (1966)

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Autor do mês - José Rodrigues dos Santos


                                           Bibliografia
Obras Publicadas
Ensaios:
o Comunicação, Difusão Cultural, 1992; Prefácio, 2001

o Crónicas de Guerra I – Da Crimeia a Dachau, Gradiva, 2001; Círculo de Leitores, 2002

o Crónicas de Guerra II – De Saigão a Bagdade, Gradiva, 2002; Círculo de Leitores, 2002

o A Verdade da Guerra, Gradiva, 2002; Círculo de Leitores, 2003

Ficção:

o A Ilha das Trevas, Temas & Debates, 2002; Prefácio, 2003

A Filha do Capitão, Gradiva, 2004
Tendo como pano de fundo a odisseia trágica da participação portuguesa na Primeira Guerra Mundial, “A Filha do Capitão” conta-nos, num ritmo vivo e empolgante, a comovente história de uma paixão impossível entre um oficial português e uma baronesa francesa.

 Codex 632, Gradiva, 2005
Baseado em documentos históricos genuínos, este romance de José Rodrigues dos Santos transporta-nos numa surpreendente viagem pelo tempo, uma aventura repleta de enigmas e mitos, segredos encobertos e pistas misteriosas, aparências enganadoras e factos silenciados, um autêntico jogo de espelhos onde a ilusão disfarça o real para dissimular a verdade. Uma obra admirável que não se consegue parar de ler!

A Fórmula de Deus, Gradiva, 2006
Um inesperado encontro lança Tomás na rota da crise nuclear com o Irão e da mais importante descoberta de A. Einstein, um achado que penetra no maior mistério da História: a prova científica da existência de Deus. Uma história de amor, uma intriga de traição, perseguição implacável, busca espiritual. Uma empolgante viagem às origens do tempo, à essência do universo e ao sentido da vida.

A Ilha das Trevas, Gradiva, 2007
Paulino da Conceição é um timorense com um terrível segredo. Assistiu, juntamente com a família, à saída dos portugueses de Timor-Leste e a todos os acontecimentos que se seguiram, tornando-se um mero peão nas circunstâncias que mediaram a invasão indonésia de 1975 e o referendo de 1999 que deu a independência ao país.

Só há uma pessoa a quem Paulino pode confessar o seu segredo – mas terá coragem para o fazer?
A vida e tragédia de uma família timorense serve de ponto de partida para aquele que é o romance de estreia de José Rodrigues dos Santos, precursor de grandes êxitos como A Filha do Capitão, O Codex 632 e A Fórmula de Deus.

Um romance pungente onde a ficção se mistura com o real para expor, num ritmo dramático, poderoso e intenso, a trágica verdade que só a criação literária, quando aliada à narrativa histórica, consegue revelar.

I LIKE BIG BOOKS - DOWELL MIDDLE SCHOOL

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

E pu-lo no chão a correr...

Entrei no café com um rio na algibeira

e pu-lo no chão,
a vê-lo correr
da imaginação...




A seguir, tirei do bolso do colete
nuvens e estrelas
e estendi um tapete
de flores
a concebê-las.


Depois, encostado à mesa,
tirei da boca um pássaro a cantar
e enfeitei com ele a Natureza
das árvores em torno
a cheirarem ao luar
que eu imagino.




E agora aqui estou a ouvir
A melodia sem contorno
Deste acaso de existir
-onde só procuro a Beleza
para me iludir
dum destino.


José Gomes Ferreira


quarta-feira, 14 de setembro de 2011

HÁ MAIS JOVENS PORTUGUESES A CONSIDERAR IMPORTANTE LER

Foi no grupo dos 15 aos 24 anos que o gosto pela leitura mais cresceu

Avaliação do Plano Nacional de Leitura é hoje apresentada. Escolas falam de "uma melhoria significativa" das competências dos alunos.
Há mais jovens a considerar que a leitura é importante para a sua vida pessoal. Em 2007, entre os que tinham 15 a 24 anos, 30,6% consideraram-na "muito importante". Em Março passado, neste grupo etário, já eram 52,4% os que afirmaram o mesmo. Este aumento da ordem dos 20 % regista-se entre o primeiro e o quinto ano de vigência do Plano Nacional de Leitura (PNL), frisa-se no relatório de avaliação externa daquele programa, que será hoje apresentado em Lisboa.
Ler +:
http://publico.pt/1511882

Bom regresso às aulas

Recomeçar

"Não importa onde você parou…
em que momento da vida você cansou…
o que importa é que sempre é possível e
necessário “Recomeçar”.

Carlos Drummond de Andrade.

A todos os alunos e professores desejamos um bom início de ano. Por aqui, estamos sempre à vossa espera...