quarta-feira, 29 de abril de 2015

Pipi das meias altas


 Foi há 70 anos que a escritora sueca Astrid Lindgren publicou as primeiras histórias de "pippi das meias altas", a miúda de nove anos, rebelde e desconcertante, tranças ruivas, meias pelos joelhos e uma força desmesurada, que vivia feliz e sozinha numa casa, acompanhada por um macaco e um cavalo.
 Na verdade foi a filha da autora, Karin, que inventou a personagem, mas mãe deu corpo e consistência às aventuras da rapariga.

Astrid Lindgren morreu em 2002 aos 94 anos. 
Em sua homenagem, o governo sueco criou o valioso prémio, de 500 mil euros, para escritores, ilustradores, mediadores e promotores de leitura.

Sem comentários:

Enviar um comentário